Internacionales

Lula reclama da chuva em Curitiba: “de que adianta banho de sol se só chove aqui”

Ex-presidente tem direito a duas horas diárias de banho de sol, mas mau tempo vem atrapalhando a rotina dele na prisão da Polícia Federal. “Devia chamar banho de chuva”, brincou.

No relato que fez aos senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado, o ex-presidente Lula contou que não tem conseguido aproveitar o direito ao banho de sol diário ao comentar sobre sua rotina na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. São duas horas por dia. Nos primeiros dias, ele evitou. Mas, depois, a razão é climática mesmo. Ele reclamou que a chuva tem sido um obstáculo.

Até terça-feira (17), dia do encontro com os senadores, Lula afirmou que tinha usufruído apenas de três dias do banho de sol. E queixou-se das chuvas. Ele está preso desde o dia 7 de abril. “De que adianta banho de sol se só chove aqui! Deveria ser banho de chuva”, disse Lula aos senadores, num momento mais descontraído da conversa.
gazetadopovo

Comentarios

Más popular

Arriba